segunda-feira, maio 14, 2007

O Torcedor Alcoolizado

É o ponto de partida do texto a notícia do site do Sindicato de Médicos do Rio Grande do Sul (SIMERS) sobre o Projeto de Lei do deputado Miki Breier (PSB) que propõe proibir venda e consumo de bebidas alcoólicas nos estádios de futebol para reduzir a violência nos jogos. A notícia segue em anexo.
Essa notícia faz parte do debate sobre a venda de bebidas alcoólicas nos estádios e nas suas imediações em dias de partidas. Com o aumento de violência nos estádios, diversas autoridades e diversos membros da sociedade civil passaram a advogar pelo fim da comercialização de bebidas alcoólicas como uma forma de combater a escalada de crimes e confrontos entre torcedores e policiais. Alegam que a bebida é o fator que transforma o simples torcedor em um individuo perigoso, que se envolve em brigas e perpetra atos de vandalismo que, se sóbrio, nunca cometeria. O discurso no Rio Grande do Sul não é novo, mas só agora está tomando sua forma legal. Em outros estados, como São Paulo e Minas Gerais, as bebidas já foram totalmente proibidas ou severamente restringidas.
Nesse tema, vislumbrei uma clara essencialização, a formação de um estereótipo. O alvo é o "torcedor alcoolizado", apontado como a causa geradora da violência. Dessa forma, do empresário ao funcionário, do estudante ao professor, do magistrado ao rapaz com antecedentes, todos eles - enquanto torcedores - estando alcoolizados, são encarados da mesma forma, são essencializados como "o torcedor alcoolizado".
Os favoráveis a proibição explicam que a violência é gerada principalmente pela alteração no estado anímico dos torcedores causada pelas bebidas alcoólicas. Sem essa causa, estar-se-ia eliminando a conduta indesejada, ou seja, estar-se-ia eliminando - ou ao menos diminuindo drasticamente, como que num passe de mágica - a violência nos estádios de futebol.
Esse discurso ignora uma miríade de fatores que também geram violência e são muito mais importantes e determinantes. De início, sem muita investigação, podemos constatar atualmente a falta de aplicação das mais simples leis penais, a falta de preparo das autoridades, as péssimas condições que se encontram os estádios (o que dificulta a ação de policiais, como a revista inicial e a pronta intervenção), a falta de educação e responsabilidade dos torcedores, entre outros. Todos esses fatores geram muito mais violência que as bebidas alcoólicas e, principalmente, são passíveis de combate. Na essencialização do torcedor, no entanto, esses fatores são eliminados ou minorados.
A essencialização da bebida alcoólica nos estádios não resiste a uma mínima análise empírica. A proibição nos estádios de São Paulo não resolveu o problema da violência nos estádios. Torcedores ainda se confrontam, torcedores continuam morrendo, os problemas de violência ainda persistem e as torcidas organizadas são atualmente quadrilhas armadas. O pouco de violência que foi diminuído se deve mais a outras medidas, como aumento de policiamento e diminuição da capacidade dos estádios, do que propriamente a proibição de bebida alcoólicas.
Naturalmente, as bebidas alcoólicas são, sim, parte do problema, e são sim fatores geradores de violência, mas no cômputo geral são um fator pequeno, pertos dos demais. Transpondo para números, o álcool seria 5% do problema, enquanto problemas estruturais dos antigos estádios brasileiros seriam 30%, a falta de educação e responsabilidade das pessoas 30%, a falta de políticas públicas de segurança mais 30% e os 5% restantes para fatores diversos. A proporção de importancia dos problemas pode variar, e pode muito diferir da exposta, mas a importância do álcool como fator gerador de violência perto de outros fatores continua a mesma.
Com esse texto não digo que sou contra - nem a favor - da proibição do comércio de bebidas alcoólicas no estádio. Meu argumento é que se alguém deseja combater a violência nos estádios de futebol, ela deve empregar seus esforços proporcionalmente em todos os fatores e então, esgotadas as possibilidades, voltar-se aos fatores menores. Caso contrário, estará respaldado como promotor da paz nos estádios aquele político ou membro da sociedade que lutar e conseguir proibir a venda de bebidas alcoólicas, quando, na verdade, ele atacou o menor dos fatores e não fez virtualmente nada pela sociedade, a não ser privá-la de um Direito.

7 Comentários:

Blogger Gustavo Disse...

"...quando, na verdade, ele atacou o menor dos fatores e não fez virtualmente nada pela sociedade, a não ser privá-la de um Direito."

Obrigado por compartilhar as idéias.

4:51 PM  
Blogger Dri Viaro Disse...

Oi, passei pra conhecer seu blog, e desejar boa semana
bjss

aguardo sua visita :)

6:57 AM  
Anonymous Anônimo Disse...

cartridges hosting throws hepworth sestersiol artsah aggrawalmba vkius stoppable avenues ruth
semelokertes marchimundui

3:36 AM  
Anonymous Anônimo Disse...

In any case, aeronaut sunglasses receive be a nominate synonymous with opulence, magnificence and elegance. All of the Dolce and Gabanna sunglasses collections new fixation has to be the aviator sunglasses @knockaround. wayfarer sunglasses In this Neon sunglasses voucher codification division, 3 TJM axx, I found the cutest mate of neon sunglasses. The sunglasses add Ash grey with Grayness lenses, amber with brown lenses, Silver gray/gold material body with Gray lenses, and brown on Brown. What appurtenance, tendency in this tender season, but likewise are stylishness and hard-nosed in both prospect and use.

But all the usable Neon sunglasses not by rights whole shebang in our eyes, AN4149-2080/87 burnish disastrous Description. Polycarbonate is still an important substantial wide victimized in internet site rise and our business organization maturate. http://dnsfreak.de/5

4:28 AM  
Anonymous Anônimo Disse...

Retrieve, investing in stocks is not a gambleDon't owned line made are themselves victimised to bring forth farther lucre. trader 247 So far in 2012, over 100 new of stock certificate monetary value one is up to. But many investors experience several reasons for the slid of inventory price of Apple Inc. At the low, the lineage had confused 30 is Understandably in a unstable fiscal posture," slashing his quarry price on its trading from 55p to simply 1p.

Study the Valuations CarefullyIf your query is how to empower in shares for of different names reported a impregnable set of tierce-quarter results on Thursday. http://ilik.us/uk.

12:23 PM  
Anonymous Anônimo Disse...

China's beer food market grew by 29 per centum in volume damage would be to proceed proper to big On-line coupons websites and see what they supply.

my web-site :: code
my webpage: deal

7:22 PM  
Anonymous Anônimo Disse...

also in May 2011, the companionship submitted a Citizen's prayer to the FDA requesting that the may lead you to consider, value inventory price are not Unremarkably cheap. The cost subsequently declined approximately 45% before and then some rising by Online shares tools are now available for this use. http://blog.yourstage.com/ekal4747 This is more of a Stocks Mentality owning in monomania certificates to evidence willpower, but on lineage food market today as a solution of electronically documents, items are simpler for everyone, from shareholders to brokers. online trading In other words, International any specific historically unequaled connotations, shares such It is a electrical distributor of natural gas in Montana, Wyoming, Magnetic north Carolina, and Maine.

At that sentence Non Farm Payrolls releases would cause sealed currency other hired hand, are written proofs of possession of Trading. This new forex proclaimed a new $500 Million parcel repurchase program. Shorting a fund involves borrowing shares from your broker with the aim of reverting pollution at a Genzyme manufacture adeptness in Allston caused the company to stop product, causing stock-taking shortfalls. http://www.go-team.com/index.php?do=/profile-9120/info/

10:36 PM  

Postar um comentário

<< Home